domingo, 21 de julho de 2024
Pesquisar

Guerra: Combates se intensificam no oeste do Sudão

Foto:REUTERS/Mohamed Nureldin Abdallah

Guerra no país já dura quase dois meses

Combates abalaram diversas cidades no Oeste do Sudão nessa quarta-feira (14), em uma expansão da guerra que já dura quase dois meses no país. Um governador regional foi morto depois de culpar publicamente a força paramilitar do país pela morte de civis.

O conflito entre o Exército e as Forças de Apoio Rápido (RSF, a sigla em inglês) paramilitares causou uma crise humanitária em Cartum, assim como nas principais cidades das regiões de Kordofan e Darfur.

Os combates, cada vez maiores, ameaçam prolongar a violência e atrair grupos armados — particularmente aqueles com filiações tribais — assim como atores externos.

O governador do estado de Darfur Ocidental, Khamis Abbakar, foi morto ontem, segundo um grupo armado que ele comandava, horas depois de acusar o RSF e as milícias aliadas de “genocídio”. Nenhum detalhe sobre sua morte foi divulgado. Duas fontes do governo disseram que o RSF foi o responsável.

“Civis estão sendo mortos aleatoriamente e em grande número”, disse Abbakar ao canal de TV Al-Hadath, pedindo intervenção internacional.

Ativistas dizem que 1.100 pessoas foram mortas desde o início do conflito, em meados de abril, na cidade mais ocidental de El Geneina, capital de Darfur Ocidental.

*Com informações agenciabrasil


Descubra mais sobre Manaustime

Subscribe to get the latest posts sent to your email.

Deixe o seu Comentário

Guerra: Combates se intensificam no oeste do Sudão

plugins premium WordPress